Castelo de Odemira

 

Litoral Alentejano Odemira Castelo  e Fortalezas OdemiraPouco resta daquilo que terá sido a sua muralha e cerca sendo visível na maior parte o suporte onde hoje assenta a Biblioteca Municipal de Odemira sendo que os restos da muralha, articulam-se de forma interessante com alguns edifícios, definindo a expansão urbanística da vila.

Terá sido tomado aos mouros 1166 provavelmente no local de “oppidum” romano. A vila recebeu foral de D. Afonso III em 1256 e em 1265 efectua-se a sua reconstrução . Foi posteriormente em 1319 doado ao bispo do Porto e a mando de D. Dinis feita a reedificação e construção de uma nova cerca; Foi efectivada depois a doação da vila e seu termo ao almirante Micer Manuel Peçanha e seus descendentes. Recebeu novamente foral de D. Manuel em 1510. Foram Condes de Odemira D. Sancho de Noronha e D. Mécia de Sousa, no reinado de D. Duarte. Nesta casa se conservou até ao reinado de D. João IV, quando foi doada a D. Francisco de Faro. D. Pedro II doou-a ao 1º Duque de Cadaval.

Forte de S. Clemente – Vila Nova de Milfontes

Vila Nova de Mil Fontes Odemira
Foi edificado entre os anos de 1599 e 1602, devido a um período de forte assédio corsário à vila. A sua construção teve como objectivo proteger a costa alentejana, de corsários e piratas, especialmente aqui na entrada do Rio Mira. Tendo sido interrompidas as obras do Pessegueiro o  engenheiro napolitano Alexandre Massai na altura ao serviço da Coroa deslocou-se para aqui, tendo finalizado a obra em 1602 no reinado de Filipe II. O acesso ao forte era feito por ponte levadiça, que terá deixado de funcionar talvez antes dos meados do século XVIII.
Cercado por norte e nascente, por uma cava ou fosso, era este limitado exteriormente por contra-escarpa, se estendia uma estrada coberta, acessível a partir do fosso por escada de pedra já desaparecida. O muro que hoje rodeia o fosso do castelo e que forma os miradouros da Barbacã é o que resta dessa antiga fortificação exterior. Foi a partir de 1939 e depois de mudar de mãos restaurado tendo passado a servir hotel como Turismo de Habitação. Recebeu classificação de “imóvel de interesse público” pelo decreto 95/78, de 12 de Setembro. Litoral Alentejano Castelos e Fortalezas Vila Nova de Mil Fontes

Farmácias de Serviço
no Litoral Alentejano

Alcácer do Sal

Farmácias de Serviço
no Litoral Alentejano

Grândola

Farmácias de Serviço
no Litoral Alentejano

Santiago do Cacém

Farmácias de Serviço
no Litoral Alentejano

Sines

Farmácias de Serviço
no Litoral Alentejano

Odemira

Arrow
Arrow

!

PORQUE
A AFIRMAÇÃO
DA SUA MARCA
OU PROJETO
É IMPORTANTE

DESENVOLVEMOS
SOLUÇÕES
A PENSAR
EM SI

Image is not available

SITES PESSOAIS
INSTITUCIONAIS
PORTAIS
OU LOJAS

WEBDESIGN
REGISTO DE DOMINIOS
E ALOJAMENTO WEB

Litoralnetdesign

Image is not available

REGISTE CONNOSCO
O SEU DOMINIO
NÓS OFERECEMOS
O PRIMEIRO ANO

Outros alojamentos
  • Casas da Comporta

    Casas da Comporta

      Casas da Comporta O Aldeamento Turístico Casas da Comporta …
  • Quinta das Beldroegas

    Quinta das Beldroegas

      Quinta das Beldroegas   A Quinta das Beldroegas – …
  • Pinhal da Coutada

    Pinhal da Coutada

      Pinhal da Coutada Temos para lhe oferecer seis diferentes …